quinta-feira, 16 de outubro de 2014

Comemorando a dádiva de Ser Criança...


Entre os dias 06/10 e 10/10 foi comemorado a semana da criança, onde foi ofertado diversas atividades a elas, fazendo com que esta data se tornasse muito especial!

Ser criança...
É aceitar o novo e desejar o máximo.

É acreditar no momento presente com tudo o que oferece.
É aventura, é desafio.

Viagem ao CCT - PUC

Relato dos alunos do 2º ano:

No dia 24/09, nós alunos do 2º05, participamos de uma Viagem de Estudos ao Centro de Ciência e Tecnologia na PUC-RS, onde fomos acompanhados pela Professora Márcia (Química) e o Professor Gerson (Física).
A visita ao Centro de Ciência e Tecnologia foi ótimo, onde fomos bem recebidos, lá encontramos diversas experiência, demonstração de algumas áreas como física, história, etc. O que mais chamou a nossa atenção foi o planetário, onde visualizamos nossa galáxia, tivemos uma ótima explicação do monitor, ficamos admirando a beleza na qual nunca tínhamos notado, foi muito marcante.
A viagem em si foi muito proveitosa, tanto na interação entre alunos e professores, quanto no conhecimento adquirido.

Relato dos alunos do 1º ano:




A viagem para Porto Alegre foi ótima, brincamos e se divertimos. Mas o melhor de tudo, ao chegar em Porto Alegre, podemos conhecer o Museu da PUC. Foi muito bacana, pois lá tinha muitas coisas diferentes, coisas que nós nunca imaginaríamos ver. Tudo envolvido com a ciência, física e outras disciplinas, achamos maravilhoso. Já aproveitamos esse relatório para agradecer a Profª Márcia e Profº Gerson pela paciência e dedicação prestada a nós.

15 de Outubro - Dia do Professor

A criação da data se deu em virtude de D. Pedro I, no ano de 1827, ter decretado que toda vila, cidade ou lugarejo do Brasil, criasse as primeiras escolas primárias do país, que foram chamadas de “Escolas de Primeiras Letras”, através do decreto federal 52.682/63.
Os conceitos trabalhados eram diferenciados de acordo com o sexo, sendo que os meninos aprendiam a ler, a escrever, as quatro operações matemáticas e noções de geometria. Para as meninas, as disciplinas eram as mesmas, porém no lugar de geometria entravam as prendas domésticas, como cozinhar, bordar e costurar.
A ideia de fazer do dia um dedicado aos professores surgiu em São Paulo, com o professor Salomão Becker, que propôs uma reunião com toda a equipe da escola em que trabalhava para que fossem discutidos os problemas da profissão, planejamento das aulas, trocas de experiências etc.
A reunião foi um sucesso e por este motivo outras escolas passaram a adotar a data, até que ela se tornou de grande importância para a estrutura escolar do país.
Anos depois a data passou a ser comemorada, homenageando esses profissionais que trabalham de forma dedicada e por amor ao que fazem.

Por Jussara de Barros
Graduada em Pedagogia


quinta-feira, 2 de outubro de 2014

Estatística

Os alunos dos 3º anos do E.M. realizaram uma atividade individual sobre Estatística, direcionados pela Professora Waleska Floriano.

A estatística é uma área da Matemática que coleta, analisa e interpreta dados numéricos para o estudo de fenômenos naturais, econômicos e sociais.

Nesta atividade, era necessário formular um texto referente ao assunto e uma apresentação.

Todos tiveram a oportunidade de confeccionar o trabalho na sala informatizada, espaço ofertado pela Professora Waleska.





Geekie Games


Os alunos tiveram a oportunidade de conhecer a Plataforma Digital Geekie Games na prática, a qual os auxiliará no ENEM 2014, através dos simulados que a mesma oferece.





Curso de Formação continuada: Diversidade, Educação Ambiental no Currículo da Educação Básica

Entre os dias 01 a 05 de setembro de 2014 aconteceu o Curso de Formação continuada:

Diversidade, Educação Ambiental no Currículo da Educação Básica, princípios educativos da Proposta Curricular de Santa Catarina, em Florianópolis. 

A 16ª Gered participou com um grupo de professores e discutiram as Leis:

Lei 11.645/08 obrigatoriedade do ensino de história e cultura indígena nas nossas instituições de ensino. Reforça ainda que se deva ensinar a história e a cultura africana e afro-brasileira, preceitos antes estabelecidos com a lei 10.639/03.

Lei 10.639/03, que versa sobre o ensino da história e cultura afro-brasileira e africana, ressalta a importância da cultura negra na formação da sociedade brasileira. Torna obrigatório o ensino da história e cultura afro-brasileira e africana em todas as escolas, públicas e particulares, do ensino fundamental até o ensino médio.

Lei 11.525/07 Orienta o estudo do ECA na escola. Acrescenta § 5 para incluir conteúdo que trate dos direitos das crianças e dos adolescentes no currículo do ensino fundamental.

Lei No 9.795/99 que institui a Educação Ambiental no Brasil - que é a base da resolução No 2, de 15 de junho de 2012, que estabelece as Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Ambiental - para que docentes possam aprimorar suas práticas tornando a Educação Ambiental interdisciplinar, em todas as séries e em todas as disciplinas, bem como em todos os níveis de ensino, desde a Educação Infantil ao Ensino Superior.

E criaram um Plano de Ação para implementar no currículo escolar esses saberes.

Um grupo no Facebook foi criado para haver discussões sobre o assunto e melhor contatar os professores, palestrantes, membros da SED e Gered: Grupo da Diversidade e Educação Ambiental da 16 GERED – Brusque.

quarta-feira, 10 de setembro de 2014

A Arte de Ser Feliz

A Arte de Ser Feliz 
(Cecília Meireles)


Houve um tempo em que minha janela se abria 

sobre uma cidade que parecia ser feita de giz. 

Perto da janela havia um pequeno jardim quase seco. 

Era uma época de estiagem, de terra esfarelada,

e o jardim parecia morto. 

Mas todas as manhãs vinha um pobre com um balde, 

e, em silêncio, ia atirando com a mão umas gotas de água sobre as plantas. 

Não era uma rega: era uma espécie de aspersão ritual, para que o jardim não morresse. 

E eu olhava para as plantas, para o homem, para as gotas de água que caíam de seus dedos magros e meu coração ficava completamente feliz. 

Às vezes abro a janela e encontro o jasmineiro em flor. 

Outras vezes encontro nuvens espessas.

Avisto crianças que vão para a escola. 

Pardais que pulam pelo muro. 

Gatos que abrem e fecham os olhos, sonhando com pardais. 

Borboletas brancas, duas a duas, como refletidas no espelho do ar. 

Marimbondos que sempre me parecem personagens de Lope de Vega. 

Ás vezes, um galo canta. 

Às vezes, um avião passa. 

Tudo está certo, no seu lugar, cumprindo o seu destino.

E eu me sinto completamente feliz. 

Mas, quando falo dessas pequenas felicidades certas, 

que estão diante de cada janela, uns dizem que essas coisas não existem, 

outros que só existem diante das minhas janelas, e outros, 

finalmente, que é preciso aprender a olhar, para poder vê-las assim.


Através deste poema, lhe pergunto:

O que você vê através da sua janela?
O que o faz feliz?

02 de setembro - Dia do Livro Infantil

Em celebração ao Dia do Livro Infantil os alunos da Professora Édina criaram um livro contendo uma história infantil.